Filmes e Série

Resenha: Crush à altura

 Olá, galera, tudo bem?

Hoje resolvi trazer uma resenha de um dos assistidos do mês de setembro, Crush à altura. Estava vendo que ele deu o que falar para alguns críticos, mas não vou entrar na polêmica dos filmes da Netflix.  

O filme conta a história de Jodi  que é a garota mais alta da escola, esse crescimento acima da média foi um problema durante toda a sua vida, e as brincadeiras e piadinhas em relação a isso também. Ela sempre ficou desconfortável com sua altura e sempre pensou que nunca arranjaria um namorado que atendesse a todas as suas expectativas. Contudo, tudo muda quando um estudante sueco chega de intercâmbio, Stig. Ele é tudo e mais um pouco da lista de namorado perfeito dela, e o mais importante é que ele é mais alto que ela. Determinada a chamar atenção dele, já que sua altura não era algo relevante, ela busca ajuda com sua melhor amiga e com sua irmã, rainha da beleza de Harper. No meio dessa transformação ela acaba se envolvendo em uma triângulo amoroso. 

Eu diria que esse filme é mais ou menos, tem pontos positivos: mostrar que todas as pessoas acabam tendo inseguranças, não importando o que ela tenha ou quem seja; bons atores, eu só assisti porque Sabrina Carpenter estava no elenco. Por outro lado temos pouco desenvolvimento da trama, já que surgem diferentes tramas ao mesmo tempo. Também temos pouco desenvolvimento para o casal principal do filme, tanto que eu já tava torcendo para que eles nem ficassem juntos.

Por mais que goste de filmes clichês esse não se tornou algo que eu veria sempre que tivesse querendo passar o tempo. 

E vocês queridos leitores? Já viram esse lançamento da Netflix? O que acharam?

Deixem nos comentários. 

Bjs e abraços,

Ana.

Estudante de concurso, formada em ecologia e que sempre vive no mundo dos livros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *