Livros

Resenha do Livro: Paixões Gregas: Destinos Cruzados

Olá, galera, tudo bom?
Voltei com mais um pouco da história dos irmãos Stefanos, com o segundo livro “Destinos Cruzados”

Sinopse:
Heitor Stefanos nasceu numa pequena Ilha grega, cresceu em Nova York e agora vive em Londres. É um jovem milionário solteiro que não tem planos de mudar nada em sua vida que começou difícil, mas hoje é perfeita, ou é o que ele está sempre tentando acreditar. As coisas mudam quando ele descobre que tem uma filha de sete anos. Decidido a conviver com a filha ele dá de cara com Olivia Barnes, a mulher que cria sua filha desde o nascimento e que não tem planos de abrir mão dela.
Olivia Barnes vive com sua filha adotiva num pequeno apartamento em Londres, não foi fácil criar a filha de sua irmã, mas hoje Lizzie é tudo que tem, elas vivem uma para outra, tem sido assim há sete anos, mas então seu pai surge em sua porta exigindo a filha. Olivia não pode abrir mão de sua razão de viver.
Como Heitor e Olivia vão resolver esse impasse? Será que podem chegar a um acordo? O destino cruza suas vidas e agora os dois precisam encontrar uma saída e Lizzie? O que a garotinha de sete anos espera desse novo encontro?

Resenha:
Como não se apaixonar pelo cara mais família que existe? Conheci essa série esse ano e já estou lendo pela segunda vez, risos.
Heitor não queria ter uma mulher para o resto da vida, como seu irmão Leon, e nem filhos, ainda mais que a família já possuía herdeiros para que se preocupar com isso?. Contudo uma carta a sete anos perdidas muda tudo. Não queria uma filha, mas agora que descobriu a existência de sua filha fará de tudo para não perder mais nenhum dia com ela. O que ele não esperava é que a tia que cria sua filha, Lizzie, fosse tão apaixonante como a filha. Para um cara que não queria a vida de família ele rapidamente muda de ideia, basta agora convencer Olivia, Liv, disso.
Olivia Barnes, ou Liv, teve uma vida de reviravoltas, uma nova madrasta e irmã, a perda do pai e com apenas 18 anos têm que cuidar de um pequeno presente inesperado. Após sete anos cuidando de Lizzie sabia que um dia teria que dividi-lá com o pai, mas ela não esperava que ele fosse tão belo e encantador, e tão idiota no início. Mesmo em pouco tempo se apaixona perdidamente por ele, mas sempre tem dúvidas se esse amor não é por causa de sua pequena filha ou algo apenas não correspondido.
No decorrer da história vemos todo o caminho para esses três se tornarem uma família, juntos vão ter que superar os medos, as novidades e ciúmes (e haja tanto ciúmes para uma só pessoa, né Senhor Heitor?).
Como não podia faltar nesse livro temos um pouco mais do extrovertido Ulisses, do misterioso Nick e do pai de todos Leon e nossa linda Lissa, mandando e cuidando de todos. Temos uma visão de como está a vida de todos após o primeiro livro e claro que juntos vão ajudar Heitor a entender seus sentimentos e essa nova etapa da vida, e obviamente ajudar a recuperar Liv, porque é sempre assim: eles se apaixonam, estragam tudo e tem que correr atrás dos seus grandes amores para terem seu final feliz ( Tradição nas palavras de Ulisses).
Eu amo esses livro, eu amo todos difícil escolher um como preferido, ele mostra como mãe é quem cria e não quem traz ao mundo, como o amor pode superar tudo se ambos os lados querem e traz uma criança que faz todos se apaixonarem (da vontade de apertar a Lizza).
E vocês já leram esse livro? Deixem nos comentários sua opinião.
Até semana que vem com o próximo da série.
Bjs e abraços,
Ana

Estudante de concurso, formada em ecologia e que sempre vive no mundo dos livros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *