Filmes e Série / Livros

Série Anne With an E x Livro Anne de Green Gables

Olá, querido leitor e querida leitora, tudo bem?

Mais uma postagem que estava louca para escrever e contar um pouco mais sobre essa minha nova paixão, Anne. A série lançada em 2017 na Netflix e virou uma febre, foram 3 temporadas antes de ser cancelada (looonga história). Eu não tinha nenhuma vontade de assistir à série, mas via muitas pessoas falando sobre ela. Esse ano meu Instagram estava inundado de informações dessa série e muita gente falando dos livros no qual foi baseada. São 6 livros com a Anne como protagonista e 3 com os filhos dela. Saber dos livros me fez ficar com uma grande vontade de ver a série, assim resolvi dar uma chance a Anne. Comecei a ver esperando nada de mais, problema foi que em uma semana eu maratonei toda a série. Como uma grande viciada em livros logo fui atrás dos livros para começar a ler, e claro que não poderia deixar de comparar um com o outro e muito menos deixar de trazer isso para meu cantinho favorito. Então vamos à história. 

Anne é uma jovem órfã que teve uma vida muito difícil vivendo hora em casa de pessoas que a queriam como uma empregada(mais para uma escrava) e depois em um orfanato. Por um engano de comunicação ou destino ela é adotada pelos irmãos, Marilla e Matthew Cuthbert. Eles vivem sozinhos em uma fazenda, Green Gables, e por conta da idade querem a ajuda de um menino para os trabalhos da fazenda. Logo, se percebe o engano, mas Anne acaba conquistando a chance de ficar. Anne é uma menina ruiva e muito falante, fala o que vem na cabeça, das coisas mais simples a mais absurdas. Além disso, tem uma grande imaginação e faz com que ela viva no mundo da Lua. Esse jeitinho único de ver o mundo faz com as pessoas se encantem na mesma proporção que a acham maluca. A cada dia ela vai conquistando novos amigos e ganhando o coração de quem a conhece, mas também se metendo em várias confusões. 

A primeira diferença que percebi entre livro e série é a idade, no livro ela começa com 11 anos e na série ela já possui 13 anos. Um dos motivos que quis fazer essa comparação é que os dois começam com a mesma história, apesar da diferença de idade inicial, Anne termina com a mesma idade,16 anos. O início do livro e da série são muito parecidos, inclusive algumas falas são idênticas, o que me deixou muito feliz, mas eu sabia que logo iria ter uma diferença já que o livro não é assim tão grande para dar história para 3 temporadas. 

A série se torna mais detalhada  que  o livro em alguns pontos e o livro se passa mais rápido o tempo de Anne em Avonlea. Mesmo assim, tanto o livro quanto a série são maravilhosos. Na série eles pegaram muitas coisas idênticas do livro, as travessura e atrapalhadas de Anne e o mais importante, a essência de Anne com seu incrível jeito de ver o mundo e levaram para a tela. No entanto, para dar mais história e dinâmica na série eles acrescentam e modificam algumas coisas, o que por mim não ficou ruim, na verdade, ficou maravilhoso. O livro foca apenas na  vida  da  Anne enquanto na série temos a visão de vários outros personagens, como um foco na vida de Gilbert. Alguns personagens aparecem apenas na série, como Cole e Bash. Além disso, muitos assuntos que a série traz como homofobia e racismos não estão tão presentes no primeiro livro. Outro ponto que me chamou atenção é que no livro muitos dos acontecimentos da história acaba apenas sendo contado por Anne em conversas com a Marilla ou com outro personagem e na série vemos a situação acontecendo, o que eu achei bem mais divertido. Por fim, apesar de ambos terminarem com a mesma idade, acabam em pontos diferentes da história de Anne, na série ela termina ela entrando na Queen’s College, já no livro ela já terminou a Queen`s College e algo muito triste acontece (chorei horrores). Tem várias outras pequena e grande diferenças, mas não quis trazer aqui com medo de dar muito spoiler. 

Mesmo com todas essas diferenças, não posso dizer que um é melhor que o outro, até que porque adaptações para série ou mesmo filmes tem uma dinâmica diferente dos livros. Eu achei a adaptação incrível, o livro é maravilhoso, ambos são tão diferentes e, ao mesmo tempo, complementares. Eu me encantei, como muitos, por Anne com sua maneira de ver o mundo, a esperteza e a  criatividade. Como ela aprendeu a amar a sua excentricidade que a torna tão única, ela com certeza se tornou uma inspiração para mim, de jamais deixar de ser quem é, lutar pelo que acredita e correr atrás dos seus sonhos. Anne me fez lembrar de mim mesma quando mais nova e me fez perceber que mesmo já tendo crescido, aquela menina sonhadora ainda vive dentro de mim.  Ambos formatos têm coisas para nos ensinar e nos faz transportar para outro mundo. Recomendo tanto a série quanto os livros (ainda vou ler o terceiro).

Se você chegou até aqui do texto, muito obrigada, sei que ficou longo, mas me empolguei muito com essa história e estou a dias querendo colocar tudo isso para fora.

Agora, quero saber, já viu a série e/ou leu os livros? Me conta nos comentários o que achou deles, se também já fez essa comparação? O que amou ou odiou? 

Bjs e abraços, 

Ana. 

Estudante de concurso, formada em ecologia e que sempre vive no mundo dos livros

Deixe uma resposta